Meus momentos e Sentimentos

0 Comments




Meu momento de alegria.
Enquanto procuro encontrar o motivo dessa alegria tão profunda, a desequilibrar-me em tudo que minha vida tem representado. Momentos intensos todos. Sejam de felicidade ou tristeza, mas sempre intensos. E adoro a intensidade! Luto vibra desejo, aspiro e clamo por ela em todos os sentidos.
Nada na vida para mim poderá ser morno ou razoável. Terá que sempre me fazer ter delírios que deixam meu corpo cansado e minha mente esfuziante. Quando choro, quero que as lágrimas desçam até arder minha pele e quando a alegria me domina os risos são os anjos que me fazem expressa-la sem medidas nem espaços, deixando que meu coração bata |acelerado e eu possa ressarcir os meus momentos contrastantes com a fé dos grandes acontecimentos.
Hoje olhando a janela essa natureza abundante, vivi num segundo toda a minha vida, extraindo os ensinamentos que procurei, aperfeiçoando-me nos sofrimentos, superando-me nos entusiasmos profundos que sempre me souberam tomar incessantemente exuberante.  
Essa é meu dia de alegria, não importam os percalços que entrecortam os caminhos nem as labaredas de decepções que aparecem vermelhas de tão fortes e verdadeiras. Minha alma não retém essa objetividade permanente nem quer ser intranquilizar com os pensamentos de catástrofes.
Desejo me isolar um pouco para absorver esse sentimento e depois poder espalhar e distribuir como se fossem confetes em pedacinhos que marcam e insinuam colorido mil.
Enquanto procuro um lugar em que minha privacidade possa absorver a alegria que me invade fico pensando na vida que corre e não  pode se deter. E digo para mim mesmo que a vida não espera. Apresso-me em compreender o sentido desses momentos e esqueço qualquer eventual transtorno, que modifique essa sensação estonteante que me domina por completo.
Lentamente, peço um pouco de calma ao meu coração e entendo que no decorrer da minha estrada aprendi a entender as complexidades do caminho e dançar e pular ao ritmo da própria música fazendo- a entoar harmoniosa.
Venho agora nesse começo de um novo ano me questionar quanto ás loucuras  do meu espírito tão inesperado em seus gritos, anseios e desejos.
Agora, nesse exato instante de alegria eu me desfaço de lembranças passageiras  e me fixo em tudo que de bom, feliz, completo, possa existir para me entender e poder usufruir o que estou sentindo com o vigor  necessário  que meu ser exige.
E vejo, sinto esse momento, e consigo soerguer meu coração em endiabrados pulos a cobrar de mim a certeza e veemência que lidera meus sentimentos. Compreendo então porque a razão de tanto transtorno  e agradeço á intensidade com que sempre vivi  cada trecho da minha vida. Minha alma vibra em luz intensa delegando ao meu olhar a responsabilidade do brilho e do reflexo de alegria que envolverá outros seres outros corações que precisam desse sentimento...

0 comentários:


Obrigado pela sua participações nos comentários desse blogger.
Pedimos a sua colaboração não ofendendo os participantes, qualquer comentários ofensivos será imediatamente removido.
Atenciosamente: Administrador do Site Origens

Siga me no instagram @alexandrev5